Josina Nunes Drumond
Pós doutora em Literatura Comparada, pela UFMG,Doutora em Comunicação e Semiótica pela PUC/SP e Mestre em Estudos Literários, pela UFES. É Pós-graduada (latu sensu) em Arte e Cultura Barroca pela Universidade Federal de Ouro Preto e em Literatura de Língua Portuguesa, pela UFES. Tem três graduações: Letras pela UFMG, Lingua, Literatura e Civilização Francesas, pela Université de Nancy (França) e Artes Plásticas pela UFES.
Autora de vários livros, Jô Drumond tem artigos, contos, crônicas, poemas e ensaios publicados em antologias, jornais, revistas de pós graduação, anais de congressos e na internet.
É tradutora juramentada do Estado do Espírito Santo. Membro da diretoria da Academia ES de Letras e da Academia Feminina de Letras do ES. É membro também do Instituto Histórico e Geográfico do espírito Santo, da Academia Feminina Mineira de Letras, do Conselho Estadual de Cultura e do Comitê da Aliança Francesa de Vitória.

OS NEFELIBATAS

Desde pequenina, eu sempre ouvia: “fulano vive nas nuvens”. Não entendia o sentido metafórico da expressão. Eu me perguntava por que viver nas nuvens...

O MELHOR DOS MUNDOS POSSÍVEIS

De certa forma, “vivemos no melhor dos mundos possíveis” (Liebniz), graças às ciências e à tecnologia. Podemos comunicar-nos por meio de áudio e vídeo...

Mais artigos

O LUXO E O LAXO

Durante minha última temporada na Europa, recebi um inusitado convite de minha amiga parisiense, Monique: visitar sua tia/madrinha, de 96 anos, em um asilo...

CORONEL CORIOLANDO

No início do século XX, o coronel Coriolando, possuidor de grande latifúndio no interior de Minas, foi alertado, por meio de um bilhete anônimo,...

NICHO DE CORNICHOS (CORNOS E REGA-BOFES)

Pelos idos de 1950, nos recônditos do sertão mineiro, na região da Charneca, Jacintho, chamado afetivamente de Jacintim, andava de chamego com a mulher...

AFOGAMENTO DE UM ANJO

A imensidão talássica esconde belezas e mistérios em profundezas abissais. Esconde também o corpinho de Geanderson, de nove anos, que saiu sorrateiro de casa...

O NATAL E A IDADE DOS PORQUÊS

Atendendo à solicitação da campanha “Faça uma criança feliz”, em prol do Natal das crianças carentes, pedi a um dos meus netos que me...
FacebookCurtir
TwitterSeguir
YoutubeInscrever