INSS de Fabriciano com atendimento desumano

0
446

Quem vai até a agencia do INSS de Coronel Fabriciano, na rua Boa Vista, fica estarrecido com o novo modelo de atendimento implantado no local. As pessoas chegam, na maioria idosos e simples. Na porta principal um Guarda recebe a pessoa, pergunta qual o problema, tranca a porta prá ninguém entrar e vai lá dentro buscar a resposta.

Na maioria das vezes o Guarda, muito educado, diz para o usuário entrar na internet “meu inss” e fazer tudo pela internet. Como que um idoso ou qualquer pessoa mais simples que não tem computador e nem mesmo sabe nada de informática vai fazer consultas e imprimir documentos?

Uma senhora disse ao Guarda que não sabia nada e nem tinha computador. A resposta foi facílima: “procura um contador ou a lan house pra fazer”.  Onde está o respeito para com os necessitados do INSS?

Uma outra senhora chegou com a Mãe para fazer perícia e, mesmo sendo acompanhante da Mãe que está debilitada não pôde ultrapassar a porta principal.

Uma outra senhora que havia marcado o atendimento pela internet, com hora marcada, também ficou do lado de fora.

Do lado de fora da agência as pessoas ficam em pé na porta sem agua, sem banheiro e sem dignidade. O tempo de espera seria o mesmo do lado de dentro, com as pessoas aguardando dignamente.

Estes são alguns exemplos de hoje, dia 19/03/2019, de 14h às 14h30.  Segundo o Guarda, está faltando funcionários na Agência. Ao mesmo tempo diz que é ordem de Brasília e que tudo agora é pela internet.

Uma pessoa que também não teve acesso a agencia, ligou para a ouvidoria do INSS e fez a reclamação. O ouvidor que a atendeu disse que a reclamação será enviada imediatamente ao setor competente e a agência será notificada.

Seria bom que nossos deputados, principalmente os governistas, fizessem uma visita ao local para constatar o que os humildes estão passando. Maioria sem forças até para reclamar seus direitos.

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA